• Diferente

Como criar um convite simples de casamento?

Há elementos completamente indispensáveis num casamento: os convites são um deles!


Independentemente do tamanho ou estilo da festa, o casamento precisa de ser comunicado aos seus entes mais queridos e aos amigos chegados, e essa mensagem tem de ser única e muito especial.

Apesar de hoje em dia já se criarem os convites de casamento mais criativos e ousados, este não necessita obrigatoriamente de ser o seu caso. Optar pela simplicidade continua a ser uma excelente opção. Aliás, os designs minimalistas e clean estão cada vez mais na moda e são um dos mais escolhidos pelos noivos.


Deseja enviar um convite simples de casamento para os seus convidados, mas não sabe por onde começar? Damos-lhe algumas ideias de como deve criar o seu convite!


1. Opte pelas cores nude


As cores nude são as ideais para criar um convite simples de casamento e transmitem na perfeição o que esta união significa: tranquilidade, ternura e amor.


Seja um convite monocromático ou uma conjugação entre os rosas suaves, o branco, o bege, verde seco, cinza ou mesmo um azul claro, ao utilizar tons pastéis criará sempre um convite bonito e bastante harmonioso.



Para definir que cores utilizar no seu convite, comece por pensar qual será o estilo e decoração da sua festa. Os convites devem estar de acordo com o ambiente que irá ser criado no casamento pois, ao serem o primeiro contacto dos convidados com o mesmo, darão as primeiras impressões sobre este dia tão importante. Assim, quando os convidados receberem o seu convite, poderão logo começar a sonhar com a cerimónia!


2. Linhas gráficas elegantes

Nos convites de casamento mais clássicos, as linhas gráficas devem sempre transmitir singeleza e elegância.

No que diz respeito ao tipo de letra, escolher um estilo manuscrito, com linhas finas, arredondadas e alongadas, fará certamente a diferença. Enviar um convite com um texto que parece ter sido escrito à mão, torna a mensagem muito mais pessoal e íntima.



Por seu lado, o tipo de papel também deverá atender a uma gramagem específica. Normalmente, os convites de casamento devem ser criados num papel mais encorpado, com gramagem acima de 250g. Do mesmo modo, também deverá optar por papéis lisos ao invés de texturizados, pois os primeiros combinam mais com casamentos clássicos.


3. Um envelope bonito para completar

Para finalizar o seu convite simples de casamento na perfeição, complemente-o com um envelope bonito que, além de proteger o convite, lhe dá um toque de requinte.



O envelope deve seguir a mesma estética do convite, quer em termos de cores, quer de tipo de letra e poderá optar por colocar apenas as iniciais dos noivos no envelope, a data, ou mais alguma informação.

Por fim, outra excelente opção a colocar no envelope do seu convite de casamento é personalizá-lo com o nome ou as iniciais dos noivos em relevo.


Ao seguir estas dicas irá criar um convite simples de casamento bastante elegante e, sem dúvida, surpreender os seus convidados pela positiva!


Veja mais convites de casamento aqui .


Se tiver oportunidade venha visitar-nos ao nosso atelier para podermos trocar ideias e para conhecer ainda melhor todo o nosso trabalho.


Se vive longe do Porto, não se preocupe: nós temos procedimentos que lhe permitem acompanhar o desenvolvimento do seu convite e receber a encomenda final, em Portugal e na Europa.


#convitedecasamento #convitesdecasamento #convitesdecasamentooriginais #convitesdecasamentopersonalizados #weddingdesign #diferenteconvites

97 visualizações
  • Pinterest
  • Twitter
  • Facebook
  • LinkedIn
  • Instagram
  • Vimeo

design by Diferente ® 2018

A Diferente - Soluções Criativas para Eventos, lda., enquanto empresa que desenvolve criações do domínio artístico, encontra-se protegida pelo Código do Direito de Autor e dos Direitos Conexos - Decreto Lei 63/85 de 14 de Março na sua redacção actualizada, detendo assim os direitos de autor - morais e patrimoniais - de todos os trabalhos que cria, os quais só podem ser utilizados, reproduzidos, publicados ou divulgados mediante sua autorização expressa.